CLAMS

SISTEMA DE MONITORAMENTO INTEGRAL DE ANIMAIS DE LABORATÓRIO (CLAMS)

 

clams1c

O Sistema de Monitoramento Integral de Animais de Laboratório (CLAMS) conjuga múltiplos subsistemas que permitem, por meio de calorimetria indireta, a determinação automatizada do gasto energético e da razão da troca respiratória, da atividade locomotora e detecção do sono (por meio de sensores de movimento por infravermelho), do consumo alimentar e da ingestão de líquidos. Esse sistema é composto por 8caixas especiais com sensores acoplados que permitem o monitoramento de até 8 camundongos simultaneamente, portanto, de um animal por caixa. O sistema não é compatível com ratos ou outras espécies. Esse sistema pode ser de grande utilidade em diversas áreas de estudo, tais como:

Obesidade: para determinação de variáveis metabólicas que regulam o balanço energético e podem afetar a predisposição à obesidade;

Sono/vigília: o software analisa os eventos relacionados com sono e vigília;

Farmacologia: os animais podem receber tratamento que afetam as variáveis determinadas pelos sensores.

 

clams2b1

O Software de Coleta de Dados da Oxymax / CLAMS, controla todos os subsistemas e integra os dados em formato CSV para fácil avaliação e apresentação em tempo real. O arquivo de dados primário separa cada medida em tempo de resposta de leituras calorimétricos. Atividade e Alimentação tem arquivos de dados secundários com maior resolução.

 

clams3b1

O Software CLAX Statistical – Oxymax / CLAMS pode gerar grandes quantidades de dados. A ferramenta de exame de dados auxilia na análise destes dados, apresentando-o de uma forma significativa. O CLAX permite organizar os animais dentro de uma experiência em grupos de tratamento e fornece ferramentas para dados de corte para remover as informações coletadas durante a aclimatação animal. Amostras de dados também podem ser sub-agrupadas em dados coletados durante períodos claros e escuros.

PLANO DE GESTÃO DE USO DO EQUIPAMENTO MULTIUSUÁRIO

Responsável: Prof. Dr. José Donato Junior

Equipe Técnica: Laboratório de Neuroanatomia Funcional
Comitê de Usuários:
Isadora Furigo (Coordenador, doraclivatti@gmail.com)
Ana Maria Campos (aninha@icb.usp.br)
Renata Frazão (rfrazao@usp.br)
Martin Metzger (metzger@icb.usp.br)

Financiador: FAPESP (processo 2014/50140-6)

Fabricante: Columbus Instruments

Forma de acesso ao equipamento:

Recomenda-se que, em cada experimento, as 8 gaiolas sejam utilizadas para maior aproveitamento do sistema, porém isso não é obrigatório. A forma mais comum de uso é por um período de aclimatação de 1 dia, seguido de mensurações por 2 dias consecutivos. Todavia, o uso do equipamento depende de variáveis intrínsecas de cada desenho experimental, tais como, objetivos do estudo e se algum tratamento adicional é aplicado durante a avaliação. Necessidades especiais deverão ser mencionadas no formulário de agendamento e posteriormente discutidas, caso a caso.

Treinamento de usuários:

Usuários interessados em utilizar o equipamento devem enviar o formulário de agendamento e indicar que são usuários pela primeira vez para que recebam instruções de uso do equipamento.

Rateio de custos operacionais:

Entre os custos do uso do equipamento estão: utilização de gases especiais de calibragem (o abastecimento dos dois cilindros tem um custo aproximado de R$ 4.000,00 e uma duração de alguns meses), manutenção do equipamento principal e assessórios (computador e nobreak), aquisição de filtros especiais do sistema, além de custos com a paramentação dos usuários. O rateio dos custos operacionais depende do volume de utilização por parte de cada usuário. Usuários que precisam utilizar o equipamento com frequência deverão discutir com o responsável pelo equipamento possíveis maneiras de contribuir com os custos operacionais.

Normas de uso:

1. Os usuários devem preencher todos os campos do formulário disponível neste site e enviar o formulário preenchido para o e-mail: agendamentoclams@gmail.com

2. O agendamento deverá ser requisitado com antecedência de pelo menos 15 dias ao início da aclimatação. Em cada agendamento, a equipe técnica entrará em contato com o usuário para discutir questões de utilização.

3. É importante salientar que a utilização do equipamento deverá ocorrer de forma ininterrupta (7 dias por semana). Portanto, não há como oferecer garantias que nos dias desejados o equipamento estará disponível para utilização, pois outros usuários já podem ter realizado agendamento. Questões de prioridade poderão ser discutidas diretamente com o responsável pelo equipamento via e-mail agendamentoclams@gmail.com

4. Os usuários são responsáveis por zelar pela boa utilização do equipamento e devem sempre ser acompanhados por um representante da equipe técnica durante sua utilização.

5. Os usuários são totalmente responsáveis por trazer os camundongos dentro dos padrões sanitários adequados para animais de experimentação e esses devem ser alojados em recipientes apropriados para o transporte de camundongos. Certificados sanitários atestando a saúde ou padrão sanitário de seus animais poderão ser requisitados aos usuários.

6. É dever dos usuários informar no formulário de agendamento se seus animais apresentam mutações ou tratamentos prévios que possam representar risco biológico ou de qualquer outra natureza. Essas questões serão discutidas com o responsável pelo sistema antes da utilização do equipamento.

7. Uma vez que a utilização desse equipamento envolve a manipulação de camundongos, é imprescindível que os usuários apresentem consentimento do Comitê de Ética Animal de sua Instituição de Pesquisa que autorize que os animais passem pelas análises no Sistema de Monitoramento Integral de Animais de Laboratório. Uma cópia do Certificado do Comitê de Ética, incluindo a descrição que esse tipo de experimento é autorizado, deve ser enviada pelo usuário em seu primeiro agendamento.

8. Os usuários devem trazer seus animais no horário e data estipulada para a realização do experimento. Atrasos ou esquecimentos podem ser punidos com a perda do agendamento na ocasião.

9. Os usuários devem buscar os seus animais no horário e data estipulada, visto que o equipamento deverá ser utilizado na sequência por outros usuários. Caso os animais não sejam recolhidos por seus usuários, esses poderão ser eutanasiados segundo normas vigentes no certificado do Comitê de Ética Animal do pesquisador responsável pelo equipamento.

10. Os usuários serão responsáveis pela higienização das caixas experimentais, seguindo o protocolo e supervisão da equipe técnica responsável. Esta higienização deverá ocorrer impreterivelmente no ato da retirada dos animais para que outros usuários possam utilizar o equipamento na sequência.

11. O responsável pelo equipamento e a equipe técnica não se responsabilizam pelos dados produzidos por esse equipamento e por eventuais intercorrências durante o experimento.

12. Os usuários devem incluir nos agradecimentos de seus trabalhos científicos produzidos com os dados gerados pelo CLAMS uma menção à FAPESP (processo número 2014/50140-6).

13. Os usuários são responsáveis por trazer um CD ou DVD (sem dados) para a gravação dos resultados produzidos pelo equipamento.

14. A análise dos dados é de responsabilidade do usuário (os arquivos contendo os dados podem ser abertos no Programa Microsoft Excel ou outro software compatível). Contudo, os usuários podem requisitar ajuda por parte da equipe técnica para auxiliá-los posteriormente no processamento das informações geradas.

Formulário de Agendamento: DOWNLOAD AQUI

Após preenchimento de todos os campos, enviar para o e-mail: agendamentoclams@gmail.com. Uma mensagem de confirmação do recebimento será emitida automaticamente. O e-mail agendamentoclams@gmail.com também poderá ser utilizado para responder eventuais dúvidas.